É tarefa árdua ter paciência quando não se tem esperança, fé na vida, fé em Deus, no destino ou naquilo que você crê ser o responsável pela ordem dos fatos na vida.

                         Sim, porque se observar bem, verá que tudo na vida acontece no momento certo e certas coisas que você almejou ardentemente não teriam sido tão boas se tivessem vindo naquela hora.  Pare um pouco, olhe para trás e pense: sua trajetória não se compõe de fatos que, isoladamente, parecem sofrimento ou alegria, mas quando vistos em conjunto, claramente apontam em uma direção, estão concatenados para um fim, normalmente de aprendizado?

                         De acordo com o meu modo de ver o mundo, é difícil que não haja uma força tão infinitamente superior a nós que tenha o poder de ordenar o nosso viver de uma forma tão clara.

                          Assim, se você não crê que tudo vai mudar, pelo seu esforço e por aquele auxílio sobrenatural que se manifesta todos os dias sem que vejamos, desculpe-me, não sei como passar-lhe uma lição sobre paciência. Até mesmo devido ao fato de estes textos terem sido escritos com base em minhas experiências, e não vivi momento algum em minha vida em que tenha duvidado da existência de uma força universal imensamente superior a mim; jamais acreditei que nosso planeta e seus habitantes estejam abandonados à própria sorte, podendo contar apenas consigo mesmos.

                         Se você crê que não está sozinho neste mundo, não se negue o conforto de ser paciente. A paciência é remédio para muitos males seus e dos outros que observam seu exemplo. Tenha esperança, que é o sustentáculo da paciência, e enquanto espera, trabalhe. Os resultados positivos são garantidos.

Fraternalmente,
                    

 

Do site www.euzebianoleto.com.br .

Anúncios